Pedras Para Piscina: Conheça os Tipos Mais Indicados, Dicas +16 Ideias

Richiedi preventivo

Il numero non è valido. Controllare per favore il codice del paese, il prefisso e il numero telefonico.
Facendo clic su 'Invia' confermo di aver letto Privacy e accetto che le mie informazioni siano elaborate per rispondere alle mie richieste.
Nota: puoi revocare il tuo consenso inviando un'email a privacy@homify.com

Pedras Para Piscina: Conheça os Tipos Mais Indicados, Dicas +16 Ideias

Patricia Smaniotto – homify Patricia Smaniotto – homify
Piscina in stile  di Lanza Arquitetos
Loading admin actions …

Ter uma piscina em casa é algo que valoriza o imóvel, ao mesmo tempo que propicia muito lazer para a família e os amigos. A beleza dessa área social geralmente é buscada com entusiasmo por quem a inclui em um projeto de casa, mas não se deve esquecer que é preciso também buscar a segurança nesse espaço.

Um elemento importante para a segurança na área da piscina é escolher pisos antiderrapantes e que sejam atérmicos, ou seja, que absorvam calor. As pedras para piscina são ideais e podem ser encontradas em vários tipos, cores, tamanhos e modelos.

Neste livro de ideias, apresentamos os principais tipos de pedra para o entorno ou a borda da piscina e uma pequena seleção de imagens que podem ser inspiradoras na hora de projetar a área de lazer. Confira!

Por que escolher pedras para a piscina

Piscina in stile  di Lanza Arquitetos
Lanza Arquitetos

Casa Mangabeiras 2

Lanza Arquitetos

A piscina é, no projeto da casa, uma área social em que se promove o lazer da família e dos amigos, portanto ela deve ser pensada em termos de beleza e segurança, a fim de cumprir eficientemente seu objetivo e, ainda, constituir-se em um elemento de valorização do imóvel.

A escolha de pedras para a área da piscina é, portanto, um momento importante na busca do prazer e do bem-estar nesse espaço. Essas pedras, que deixam o ambiente mais fresco e fácil de cuidar, devem cobrir a borda ou mesmo todo o entorno da piscina. Os principais requisitos em relação às pedras para piscina é que elas sejam atérmicas e antiderrapantes. Aliás, é exatamente por causa dessas características imprescindíveis que não são indicados pisos cerâmicos ou outros pisos convencionais nessa área, geralmente muito lisos e escorregadios quando molhados.

As pedras para piscina precisam ser atérmicas – ou seja, não absorverem muito o calor – para que as pessoas possam caminhar sobre elas sem se queimar mesmo quando expostas direta e continuamente ao sol. E precisam ser antiderrapantes para que a sua superfície molhada não enseje acidentes, já que a área da piscina fica permanentemente molhada com a movimentação das pessoas que entram e saem da água.

Portanto, no que se refere a pedras antiderrapantes, é importante observar na hora da compra as ranhuras existente na superfície delas: são essas ranhuras que a tornam mais ou menos antiderrapantes. Verifique com o vendedor as opções existentes e pergunte sobre os tipos de maior qualidade para conferir se não vale mais a pena levar um produto mais caro, mas com mais qualidade no que se refere à aspereza da sua superfície e, portanto, capaz de propiciar mais segurança. 

Uma boa notícia é que existem centenas de opções de pedras para piscina, que podem ser encontradas em várias formas, modelos, cores e tamanhos, inclusive com texturas inovadoras que imitam os mais diversos materiais. Mais uma vez, lembre-se de que, quanto mais áspera, mais antiderrapante e melhor é a pedra para a segurança dos usuários da piscina. Um exemplo de pedra com textura semelhante a uma lixa é a Caxambu, por exemplo.

Tipos de pedras para piscina

1. Pedra mineira – A pedra mineira é uma das mais utilizadas no Brasil quando o assunto é o revestimento da área da piscina. Entre as suas vantagens estão a beleza, a durabilidade, a proteção térmica, a fácil instalação e a fácil manutenção, assim como o fato de ser naturalmente antiderrapante.

 2. Pedra São Tomé – Como a pedra mineira, a pedra São Tomé é uma das mais utilizadas na área de piscinas. Esta bela pedra é altamente resistente tanto a agentes corrosivos quanto ao desgaste natural, além de ser antiderrapante e ter capacidade de proteção térmica. Ela se apresenta em duas cores: branca e mesclada.   

3. Granito – Embora não pareça à primeira vista, o granito também é uma boa opção para se utilizar como pedra para borda de piscina ou mesmo em toda a área. Além de ser muito resistente graças à sua extrema dureza, o granito oferece adequação térmica, é um material de grande beleza e apresenta várias opções de cores. Porém, antes de ser aplicado à área da piscina, o granito precisa passar por um tratamento que o torne antiderrapante, já que a sua superfície polida é totalmente proibida em um ambiente molhado como esse.

4. Mármore – O mármore também pode, surpreendentemente, ser utilizado como piso para área externa, em função da sua dureza, resistência e proteção térmica, assim como da sua beleza e da variedade de cores e tipos que apresenta. Porém, como o granito, o mármore também precisa de tratamento antiderrapante antes de ser instalado no local.  

5. Piso Fulget – Embora não seja uma pedra natural como as anteriores, o piso Fulget, também conhecido como granito lavado ou granilite, também é uma excelente opção para a área da piscina, já que é totalmente atérmico e antiderrapante, além de apresentar beleza estética. Ele está disponível em dois tipos: o cimentício, que é uma mistura de cimento com pequenos pedaços de pedra (calcário, quartzo e mármore, entre outras), e o resinado, que mistura resinas com pedrinhas. O piso resinado, com tecnologia norte-americana que deixa o piso mais bonito e uniforme, apresenta várias vantagens em relação ao piso cimentício: ao contrário deste, ele não tem juntas e não fica com manchas; é mais resistente às intempéries e não corre risco de sofrer rachaduras com o tempo; e sua execução é muito mais rápida, já que não passa pelo banho com ácido de que o piso cimentício precisa, o que demanda tempo.

Limpeza e manutenção de pedras para piscina

Além da pedra mineira e da São Tomé, existem várias outras pedras naturais que podem ser utilizadas como piso de pedra para a área da piscina, sendo que quase todas, como a pedra Goiás, têm em comum o fato de serem atérmicas e de conterem ranhuras que propiciam um piso antiderrapante. Essas ranhuras, no entanto, têm o inconveniente de juntar sujeira, o que faz com que as pedras mereçam atenção especial na hora da limpeza. Uma boa notícia é que o uso de escovas e outros materiais similares está liberado, já que o piso não corre o risco de arranhar. Assim, o indicado é lavar o piso de pedra com água e sabão periodicamente, de modo a evitar que o acúmulo de sujeira reduza a qualidade antiderrapante do material.

A seguir, alguns exemplos de piscinas com pisos de pedra:

1. A piscina com revestimento em dois tons de azul fica em destaque com piso de pedra branca

2. A pedra branca em torno da piscina sinuosa faz boa parceria com o piso bege da área de lazer

3. Pedra branca e pedra mesclada na área de lazer delimita os ambientes

Piscina in stile  di Moran e Anders Arquitetura
Moran e Anders Arquitetura

Retrofit – Residência Alphaville

Moran e Anders Arquitetura

4. A área da piscina fica leve e aconchegante com a presença de pedra branca e de madeira

5. A combinação de pedra clara na piscina, madeira no deck e grama no jardim é convidativa

Piscina in stile  di Maria Claudia Faro
Maria Claudia Faro

ÁREA EXTERNA – PISCINA

Maria Claudia Faro

6. Piso de pedra São Tomé e outro que imita madeira criam ambientes na área de lazer

7. O piso claro em torno da piscina deixa a área elegante e delicada

8. Pedra e área verde são uma linda combinação para o entorno da piscina

9. Tons de bege também são uma opção bonita e discreta para o piso de pedra da piscina

Piscina in stile  di Lanza Arquitetos
Lanza Arquitetos

Casa na Pampulha 1

Lanza Arquitetos

10. A borda em pedra branca da piscina faz um contraste bonito com o gramado verde

11. Pedra São Tomé clara no piso e pedra filetada marrom na parede decoram a área da piscina

12. A pedra mesclada fica muito agradável no piso em torno da piscina

Giardino con piscina in stile  di Gelker Ribeiro Arquitetura | Arquiteto Rio de Janeiro
Gelker Ribeiro Arquitetura | Arquiteto Rio de Janeiro

Projeto Casa LE | (Casa de praia Cabo-Frio – RJ

Gelker Ribeiro Arquitetura | Arquiteto Rio de Janeiro

13. É importante o piso de pedra antiderrapante também em piscinas cobertas

Giardino con piscina in stile  di Flávia Gueiros
Flávia Gueiros

Espaço da piscina

Flávia Gueiros

14. A hidromassagem tem piso em granito em cor semelhante ao piso de pedra em volta da piscina

15. A borda da piscina recebeu pedra em tom marrom, enquanto a área em volta apresenta pedra bege

16. O mármore branco deixa sofisticada a área de piscina com linhas simples e retas

Piscina in stile  di Lanza Arquitetos
Lanza Arquitetos

Alberto Alkmim

Lanza Arquitetos
House 1: Camera da letto in stile  di Opera s.r.l.

Hai bisogno di aiuto con il progetto della tua casa?
Contattaci!

Trova l’ispirazione giusta per la tua casa!